Loading...

sábado, 11 de abril de 2009













éramos nós dois,
o sal
o sol
o sal, associado ao sol , queimava em minha boca
como o desejo louco
que queimava ainda muito mais,
éramos nos dois e a lua
tímida num céu de ninguém,
suspeitávamos de nossas emoções
tão vagas eram nossas esperanças.
éramos só nós dois
e mais nada
mas
mais nada importava
a não ser nós dois


( foto Cláudia-esta que vos escreve)

4 comentários:

  1. Espero que tenha tido uma otima Pascoa,Claudia.
    beijos!!

    ResponderExcluir
  2. sempre há luz no fim do túnel, mas é preciso atravessar...
    abração Cláudia

    ResponderExcluir
  3. Caríssima Claudia...
    É sempre bom ir de encontro ao mar, afinal de contas, o tempo e a maré não esperam por ninguem. Ousar faz bem e acreditar na dobra do caminho, mais ainda... Um abraço.

    ResponderExcluir