Loading...

segunda-feira, 28 de abril de 2008


foto Rita Teixeira


quem viaja pelo mar,
com destino pra chegar,
tece no anoitecer sonhos acompanhados de estrelas,
e se a saudade, por acaso, apertar,
e se manifestar
fazendo uma lágrima rolar,
Nem adianta se enganar,
fazer de conta que uma gota pulou do mar,
e molhou o nosso rosto,
nem adianta
a expressão vai denunciar,
que a saudade muitas vezes é mais forte que o sonhar,
e que antes de chegar,
já tá na hora de voltar.


( antes que meu coração endureça, antes que eu fique "intelectualizada"demais , antes que muitas coisas se acomodem como a natureza determina é preciso falar de amor, de partidas e principalmente de chegadas.)

4 comentários:

  1. Falar de amor, de mar, de chegadas e partidas... É bom, né? E você sabe direitinho o jeito e a forma de fazer. Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

    ResponderExcluir
  2. talvez eu seja uma sonhadora imatura... mas eu penso que quando a gente pára de falar de vida a gente morre...
    beijo

    ResponderExcluir
  3. partir chegar navegar tudo normal, mas o que não é normal é a quantidade de textos sobre o mar que vi nesses dias... quase catártico coletivo

    ResponderExcluir
  4. SEMPRE,CLAUDIA!!

    SEMPRE!!

    Beijos!

    ResponderExcluir